quinta-feira, 30 de julho de 2009

Pense um pouco


Há algum tempo, um renomado psiquiatra viveu boa parte de sua vida acreditando que Deus não existe. Para ele, Jesus era fruto da mente humana. Algo como uma lenda. Então, ele resolveu estudar Jesus pra entender a mente das pessoas que "o criaram".

Por um tempo, estudou tentando compreender suas atitudes e sua história. Depois de bastante pesquisa, a conclusão que ele teve foi surpreendente. Concluiu que seria impossível alguém ter inventado aqueles escritos, nenhum homem comum poderia agir e dar as mais corretas respostas às mais complicadas situações, sua postura não poderia vir do fruto da imaginação ninguém seria capaz de inventar Jesus Cristo.

Esse homem quebrou tudo aquilo que fizeram ele acreditar. Por buscar compreender a Jesus sem conceitos formulados e pelo interesse sincero, Jesus se mostrou vivo a ele.

Algumas pessoas alegam que Deus não existe, pelo sofrimento que vemos no mundo. Mas pare e pense nesse exemplo:
-Por que existem tantos acidentes de trânsito?
Na grande maioria pelo desrespeito as leis de trânsito, você provavelmente deve responder. E também deve estar se perguntando o que isso tem a ver.

Deus instituiu um padrão de leis morais para que todos vivam em harmonia, ou seja, para que não aconteçam acidentes, mas não nos obrigou a seguir essas leis, nos dando assim a liberdade de escolha. Só que quando alguém não acredita em Deus, essas leis passam a não existir e a pessoa passa a não ter limites morais em sua vida. Uma pessoa no trânsito que não respeita as leis comete graves infrações atingindo e prejudicando até mesmo as pessoas que seguem as leis.

Aquele psiquiatra buscou e conheceu a Jesus vivo. Isso pode acontecer com todos que buscam ao Senhor de coração aberto. Pare, pense e analise. Você não vai se arrepender.

Me ajudou nesse post o livro "O projeto de Deus" de Delso Gomes. (publicação idependente)

1 comentários:

Danilo Fernandes disse...

Irmão!

Seu link já está em Genizah - em mais sites suspeitos.

Paz e bem!

Danilo

Postar um comentário