quinta-feira, 9 de julho de 2009

Cura dum cego de nascença

Foto: Tanque de Silóe, que em 2005 comprovaram sua existência; onde se passa essa história.
Quem se lembra dessa passagem? É uma passagem um tanto distorcida por muitos pra usarem apenas pra curas e algumas vezes até pra rituais. Vou expor em um outro ponto de vista. Claro que podemos ver isso somente como uma cura, mas devemos buscar o entendimento do porquê de cada texto estar na Bíblia. Creio que o motivo principal da Bíblia é matar a sede da nossa alma. (Amós 8:11)

Pois bem, essa é uma passagem muito rica de detalhes. Aconselho a cada pessoa a meditar no capítulo 9 do Evangelho de João. O que quero comentar são esses versículos: "
E, passando Jesus, viu um homem cego de nascença... cuspiu na terra, e com a saliva fez lodo, e untou com o lodo os olhos do cego. E disse-lhe: Vai, lava-te no tanque de Siloé (que significa o Enviado). Foi, pois, e lavou-se, e voltou vendo." (v. 1,6,7)

A cura do cego de nascença não foi um mero ritual sem importância. O cego foi curado por um motivo óbvio: obedeceu ao Senhor. Como no caso dos 10 leprosos que foram curados por se apresentarem ao sacerdote (Lc 17:14), o cego também foi pela sua obediência.


Muitos se perguntam o motivo disto constar na Biblia. Jesus quis nos dar uma importante lição. O barro tipifica o homem (vemos isso quando a Bíblia fala que o homem veio do barro e também quando Deus nos chama de vasos (de barro) na mão do oleiro) e Jesus passou barro nos olhos do cego. cuspe + barro = lodo. Jesus nos abençoa com o que sai de sua boca (sua Palavra) e usa também o barro (homem), mas Ele disse pro cego se lavar no tanque de Siloé (que quer dizer o Enviado), ou seja, o Ungido, o Cristo, o próprio Senhor Jesus).

O que isso quer dizer? Ele usa o homem pra sua obra, mas o homem não é quem realmente importa. Nos temos uma tendencia de valorizar aquele que foi o meio que Deus usou pra nos abençoar (quem orou pela nossa cura, conversão, quem nos evangelizou, etc), mas o trabalho foi de Jesus, nós apenas somos usados por Ele. Não somos nós quem devemos aparecer e sim o Senhor, pois o trabalho é dEle, toda glória é para Ele.

Depois da benção inicial, Temos que nos lavar no Enviado, ou seja, o Ungido, o Cristo, o próprio Senhor Jesus, e Ele nos limpará de todo pecado e teremos nossos olhos abertos. A partir daí que o homem pode ver as obras de Deus em sua vida.

Se você não tem seus olhos espirituais abertos ou eles ainda estão sujos de barro, se lave no Enviado que você passará a ver o Senhor em sua vida.

1 comentários:

Danilo Fernandes disse...

Ola Diego e Daniel!

Esta ´e uma das passagens de cura mais lindas da biblia e tambem rendeu um dos mais belos sermoes de CS Lewwis. Recomendo a leitura.

Aproveitando, faço uma apresentação do meu blog, o Genizah. Por lá, procuramos apresentar e defender O evangelho puro e sem mistura, mas cheio do AMOR que o nosso Pai nos deixou.

Na maior parte do tempo fazemos isto com muito humor e bom gosto, afinal a alegria é a marca do cristão verdadeiro!

E quando se trata de denunciar os vendilhões da fé, pegamos com força e esculhambamos mesmo, afinal, um pouco se subversão santa é sempre bom e nos lembra de onde viemos!

Vamos te seguir!

Abraços em Cristo e Paz!

Danilo

http://www.genizahvirtual.com/

Postar um comentário